Língua Portuguesa: O que são Advérbios de Intensidade

Advérbio de intensidade ou advérbio de quantidade?

A palavra nada é considerada um advérbio de intensidade, embora você possa encontrar alguns autores que a classifiquem como advérbio de quantidade. Consideremos, pois, ambos como sinônimos, ou seja, a designação de advérbio de quantidade caiu em desuso, e hoje equivale à designação de advérbio de intensidade. Trata-se da mesma classificação semântica do advérbio, portanto.

Exemplos de Advérbios em frases:

- Ele bebeu muito.

Na frase acima o advérbio muito está intensificando o sentido do verbo BEBER, ou seja, é um advérbio de intensidade.

- A banda chegou hoje.

Nessa outra frase o advérbio hoje acrescenta ao verbo CHEGAR uma circunstância de tempo, ou seja, é um advérbio de tempo.

Veja outros exemplos:

muito = Ele é muito forte

pouco = Estudar pouco não é bom.

mais = Bata mais forte!

menos = Faça menos força. 

bastante = Hoje estudei bastante.

demais = Ela é linda demais!

bem = Ele é bem informado.

tanto = Pedro repetiu tanto que acabou decorando o poema.

deveras = Francisco é deveras estudioso.

quanto = Você não sabe quanto é querida por todos.

quase = Eles estão quase chegando.

apenas = Tenho apenas uma moeda.

mal = Ele está mal de grana.

tão = Ele é tão inteligente

de pouco = Somos casados de pouco.

de todo = Ele não estava de todo alegre.

de muito = O rapaz a conhecia de muito, mas nunca conversaram.

Os advérbios e locuções adverbiais de intensidade são para intensificar o sentido dos verbos, adjetivos ou advérbios a que se ligam.

Muito: advérbio ou pronome indefinido?

Advérbio: refere-se a um verbo, adjetivo ou a outro advérbio e não sofre flexões.

Exemplo: Eu corri muito. (No caso, “muito” é o advérbio)

Pronome indefinido:
relaciona-se a um substantivo e sofre flexões.

Exemplo: Eu corri muitos quilômetros. (No caso, “muitos” é o pronome indefinido. Referiu-se ao substantivo quilômetros e variou em número).

Flexão dos Advérbios de Intensidade: A única flexão propriamente dita que existe na categoria dos advérbios de intensidade é a de grau, a saber:

Superlativo: aumenta a intensidade.

muito - muitíssimo, pouco - pouquíssimo.

Diminutivo: diminui a intensidade. Exemplos: pouco - pouquinho.

Os advérbios "bem" e "mal" admitem ainda o grau comparativo de superioridade, respectivamente, "melhor" e "pior".

Que - pronome indefinido ou advérbio de intensidade?

Quando a palavra que anteceder o substantivo e tiver o valor de quanto, será o pronome indefinido.

Já quando a palavra que anteceder o adjetivo e tiver o valor de quão, será advérbio de intensidade.

Observe, então, as seguintes frases:

- Que linda você é!

- Que bagunça!

Na primeira frase, o que intensifica o adjetivo linda. É, portanto, advérbio de intensidade. Pode-se substituí-lo por quão: Quão linda você é!

Já na segunda frase, o que modifica o substantivo bagunça. É, então, pronome indefinido. Pode-se substituí-lo por quanta: Quanta bagunça!


Caso tenha alguma dúvida deixe o seu comentário!

Comentários