Para meu pai, o pai na terra

[YOUR ADS HERE]



No dia dos pais de 2015, eu não sabia como marcar aquele dia, com um presente, um abraço, cartão, enfim. Queria fazer algo diferente, eu não tenho muita criatividade em criar poesia, mas nesse dia eu tinha uma motivação. 

Para meu pai, o pai na terra 

Essas coisas aconteceram em algum tempo ou hora
Tentem entender o que vou descrever...
O pai que amou tanto seu filho o deu para salvar o mundo!

O pai que tanto amou seu filho lhe deu uns cascudos
Foi assim que me ensinou,
Lendo a bíblia em casa, orava na marra. 

Domingo de manhã, ele diz: NÃO VAI PRA IGREJA?
Com sono eu respondia: ESPERA EU POR MINHA MEIA...
Senta do lado da sua mãe, isso ele não esquecia. 

Não sabe que eu não entendo nada?
Tudo que o pastor diz parece grego, sem acento, conjugado no alento.
Então é hora de ir embora, ou melhor, comprar pipoca.
Me lembro bem daquele carrinho, me lembro com carinho. 

Só com dinheiro da passagem, desculpa filho, mas hoje é só pra viajem.
Narrando em segundo plano, pude observar.
Não naquele momento, não naquele dia. 

O passar do tempo em seu rosto. 
Tudo que ensinava me dava gosto.
 
Obrigado pai, por mais agora, percebo outrora.
Que amor de pai, não tem hora.

Tags :

Nenhum comentário:

Postar um comentário